Automóveis, Rimas

Acende-se a luz…

IMG_5995.JPG

Acende-se a luz,
A autoestrada reduz a tensão.
O rádio é um estádio
É um adversário,
Assim não…

E no silêncio deduz
Que esses faróis são mais que luz, afinal.
São metal que ao relento
Entra porta a dentro, real.

E a curva vem
Ela não é mão
Não quer saber.
Tão extraordinário
Um mundo ao contrário
Vá-se lá saber bem porquê.

Standard
Cozinha, Rimas

De manhã ouro…

DSC02228.JPG

Bolo de laranja…

De manhã ouro, à noite mata,
Mas sabes que na prática
Não é bem assim.

O real assassino
Vem sem hora marcada,
Açúcar de facada em facada
Hoje um pouco mais
Ontem assim assim.

Mas que descaramento!
Da vitamina não há melhor remédio.
Não merece pois o sacarídeo
Equivalente provérbio,
Parecer médico,
Popular assédio?

Standard
Outros, Rimas

Vagabundo, és quem tu és…

homeless-david-simons

Homeless, by David Simons

Um passo em falso
Um ser descalço
Uma avenida de cartão.
Na qual dormes e és dono
De tudo aquilo o que cai no chão.
Basta um segundo,
Quem te viu e quem te vê.
Ser um vagabundo
Charme imundo
Fome outra vez.
És aquilo que dás,
És quem tu és…

Um mar que é céu
Teu e meu
Somos a mesma face da mesma mão.
Invisível
Não audível
Que aperta chave da prisão.
Basta um segundo,
Mas ninguém te vai chamar.
Ser um vagabundo
O segundo do fundo
Fome outra vez.
És aquilo que dás,
És quem tu és…

Standard